IMPOTÊNCIA DISFUNÇÃO ERÉTIL

Atendemos Convêios e planos de Saúde: UNIMED, GOLDEN CROSS, AMIL, SULAMERICA, GEAP, IRB, CNEN, FURNAS, PETROBRAS

protese Titan impotencia sexualÉ a incapacidade de iniciar ou manter uma relação sexual. Esta incapacidade pode estar relacionada a vários fatôres físicos ou em segundo plano psicológicos.
O envelhecimento masculino associado a possíveis patologias desta fase etária desencadeiam algum grau de disfunção erétil.
Dentre os principais fatores ligados a disfunção erétil, estão à hipertensão arterial, o  diabetes, o descontrole e elevação do colesterol, alterações hormonais e doenças coronarianas.
A utilização de diversos medicamentos e fármacos, tais como antidepressivos, anti-hipertensivos, hipnóticos, tranquilizantes, álcool, drogas e o tabagismo também desempenham um alto grau de comprometimento neste distúrbio.
Pacientes com distúrbios prostáticos ou aqueles submetidos a cirurgias gerais ou urológicas e tratamento com radioterapia, poderão desenvolver uma disfunção erétil, transitória ou definitiva.
Não compete ao urologista o tratamento de disfunção erétil psicogênica e estes pacientes deverão consultar psicólogos ou psiquiatras afeitos aos distúrbios comportamentais ou terapia sexual conjugal.
Cabe ao urologista, indicar os exames para o diagnóstico da disfunção erétil.
A avaliação do paciente com disfunção erétil, deve se iniciar pela história clinica do paciente, quando se avalia fatores correlacionados tais com diabetes, hipertensão, cirurgias e uso de drogas .
Além dos exames laboratoriais, o método de diagnóstico mais comumente utilizado é o Doppler colorido peniano (Collor Doppler), quando se avalia a possibilidade de obstrução do aporte sanguíneo ao pênis, traçando-se um diferencial entre a causa física e psicogênica.
Outra possibilidade de disfunção erétil esta ligada a Doença de Peyronie, que é a presença de placas fibrosas no pênis. Estas placas desencadearão o encurvamento do órgão e  podem causar dor ou impedir o ato sexual.
A causa para o desenvolvimento desta patologia não é  clara. Para o diagnóstico é utilizada a  ultrassonografia peniana, que irá demonstrar a presença de placas de fibrose no corpo cavernoso peniano.
solucao da impotencia sexual proteseO tratamento da disfunção erétil é extenso e pode variar de individuo para individuo.

A Doença de Peyronie, apresenta um grande número  de tratamentos. A eficácia de nenhum deles esta totalmente comprovada e o benefício variável.
Em determinados casos para o restabelecimento da atividade sexual,  haverá a necessidade de indicação de cirurgia para correção do encurvamento do pênis.
Pacientes submetidos a tratamento cirúrgico, principalmente aqueles submetidos à prostatectomia radical pelo diagnóstico de câncer da próstata, poderão apresentar uma disfunção erétil transitória ou definitiva. No primeiro caso, pode-se utilizar agentes vasodilatadores penianos com uso contínuo e por um longo período.
Naqueles pacientes que não recuperaram  a ereção,  após o uso destes medicamentos e apresentam uma doença neoplásica controlada, a implantação de uma prótese peniana deverá ser avaliada.
A implantação de uma prótese peniana, também pode ser indicada para pacientes com outras patologias e que não obtiveram respostas farmacológicas aos vasodilatadores indutores da ereção.
Nos pacientes que apresentam contraindicação para o uso vasodilatadores penianos, em decorrência da utilização de outros medicamentos, também se pode avaliar o uso de próteses penianas.
Dentre as próteses penianas disponíveis, encontramos as semirrígidas e as infláveis. Cada caso deverá ser avaliado individualmente pelo urologista conjuntamente com  o paciente.

O procedimento para implantação de uma prótese peniana requer uma internação hospitalar, anestesia e um determinado período para o retorno as atividades sexuais.

Implante Peniano Maleável – GENESIS - COLOPLAST
Implante peniano maleável, Fabricado na França, com cilindros compostos de elastômero de silicone, com camada hidrofílica de POLYVINILPIROLIDONA – PVP que permita melhor aderência de antibióticos diversos e diminua a aderência de bactérias. O eixo moldado de elastômero de silicone deve incorporar um feixe espiral de fio de prata e um núcleo de fio de prata na seção central maleável, e uma seção proximal que possa ser cortada.

A extremidade distal deve ser moldada para dar um aspecto anatômico sob a glande. O espiral de fio de prata da seção central deverá ser maleável para permitir que a prótese seja movimentada para posição de ereção, para a relação sexual e depois movimentada para baixo para ficar oculta sob a roupa.
 Implante ajustável em 3 (três) diâmetros e comprimentos diferentes: diâmetro de 9,5 mm com comprimento de  14 cm a 23 cm;  diâmetro de 11 mm com comprimento de 16 cm a 25 cm e diâmetro de 13 mm com comprimento de 18 cm a 27 cm, e cada par de próteses deverá conter  ajustes de comprimentos e extensores atraumáticos de fácil acoplagem com três pares de pontas cônicas moldadas (Padrão, + 0,5 cm e +1,0 cm), que não necessite de nenhum instrumental para sua colocação.
As próteses Coloplast tem garantia vitalícia.

 

CARACTERÍSTICAS GERAIS  DAS PRÓTESES

PRÓTESE SEMI-RÍGIDA GÊNESIS COLOPLAST

 

PRÓTESE TITAN INFLÁVEL COLOPLAST

EXCELENTE RIGIDEZ
BOM RESULTADO ESTÉTICO E ANATÔMICO
FÁCIL MANIPULAÇÃO
COMPATÍVEL COM EXAMES RADIOLÓGICOS
TAMANHOS E DIAMETROS VARIÁVEIS

 

EREÇÃO MECÂNICA
BOMBA ÚNICA PARA INFLAÇÃO E DEFLAÇÃO
NÃO PERCEBÍVEL QUANDO DESINFLADA
NÃO IMPEDE CIRURGIAS FUTURAS
TAMANHOS E DIAMETROS VARIÁVEIS

 

Conheça mais no Clicando aqui no Site - www.orlive.com/coloplast

 


Close

Log In

Enter Remind password

Type your e-mail address and we'll send you new password

Submit